SURTO (QUASE) CRIATIVO. LEIAM ANTES QUE PASSE.

Vou escrever porque, ao que me consta, faz um tempinho que não escrevo nada aqui. Não que eu não queira. É que em parte não tenho o tempo suficiente para elaborar ideias, e em parte não tenho ideias. Se pensas que esta introdução te é conhecida, é porque já comecei outro texto com ela, postado aqui no Tosco em 13 de abril de 2008. Foi um post onde falei sobre meu nome, que algum quiz do LOLquiz diz que deveria ser Amanda ou Camila, mas eu gosto de Graziela.
Aliás, falando em LOLquiz, a culpa é do Twitter. Todinha dele. Tão pouco espaço me deixou absolutamente mal-acostumada. Agora, se eu tenho que escrever um texto, parece que as frases estão todas soltas; avulsas; desconexas; desligadas entre si; caminhando para lugares diferentes; aTRÔpelando canta!
Essa é a resposta certa! Na Gincana Liberato 2009 a aTRÔpelando ficou em último quarto lugar. Mas também não é sobre isso que vou falar. Porque independentemente do resultado, o que vou lembrar ano que vem é que no clima de preparação pra gincana eu conheci muita gente tri legal, pulei corda no saguão, fiz festa com a batera, e me senti ainda mais feliz por ter escolhido fazer EleTRÔnica na Liberato.
Curso que, aliás, me afeta; demais. A tensão não é alta, mas a frequência é. E quando não é, é um saco identificar o formato da onda no osciloscópio. às vezes tudo funciona, mas aí chega o professor e os gnomos param de trabalhar. às vezes nada funciona, mas aí você apoia a protoboard e o LED acende. E há ainda momentos mais agonizantes em que o x da questão (ainda tô pra ver "X" em "QUESTÃO"; "quextão"?) está em ligar ou não a fonte de alimentação.
Enfim, já se passou uma semana de recesso. Mas eu preferi fumar estanho dessoldar placas velhas do que parar e escrever algo para este blog. Mas então tá aí. Hoje eu escrevi. Se foi satisfatório ou não, se vocês entenderam ou não, ah, isso só a curva da corrente de coletor poderá determinar.

3 comentários:

Vini Manfio disse...

o twitter deveria servir aos blogueiros como um complemento para pequenas ideias que inspirariam em novos textos

mas a maioria desiste dos blogs pelo twitter

ridículo

o meu problema é falta de cabeça

Vini Manfio disse...

e não considere isso como uma crítica a ti

Graziela disse...

ok..

concordo contigo. mas acaba se tornando muito mais prático escrever tudo fragmentado..