Vão para o inferno malditos chupadores de tóxicos

Por que tanta demora...?

Por que tanta insistência...?

Eu não consigo entender como a juventude consegue ser tão impaciente e ao mesmo tempo tão irritante por sua demora. Os caras se matam por qualquer coisa. Porque são idiotas por dirigirem bêbados ou chapados. Porque fumam, cheiram, bebem e até injetam para se "sentirem" melhor ou apenas para mostrar ao mundo, e principalmente àqueles que são, no mínimo tão idiotas quanto os mesmos, e que os cercam.

Por que esse bando de idiota pega uma arma e atira contra outro, que talvez merecesse mesmo morrer, mas enfim... por que?

Eu não consigo aceitar que faço parte de uma geração que busca, incansavelmente, com pressa(aí está a contradição dessa geração, cuja parte citada e criticada é imbecil) e sem escrúpulos, o fim. O fim dela mesma.

Querem se matar, beleza. Façam como muitos que simplesmente meteram uma bala em suas cabeças e deram um fim as suas vidas e amenizaram o sofrimento(é melhor perder alguém que não merece viver do que sofrer por ver essa pessoa se degradando em perdições) daqueles que os cercam.

Vão logo para o inferno. Gente estúpida.

Vocês financiam o tráfico, vocês matam gente que vive de maneira honesta e justa, vocês estragam, ainda mais, uma sociedade condenada ao fim.

Vão logo para o inferno e parem de atrapalhar aqueles que jamais fariam o que vocês fazem.


(Agora vamos... critiquem-me mais uma vez nos comentários...)

3 comentários:

Vanne disse...

Eu tô contigo Vini.
É mesmo incompreensível que, mesmo com tanta informação a que se tem acesso,ainda tenha gente capaz de se envolver com drogas e blá blá blá.
Estão se matando a médio/longo prazo e ainda fazem a família, e possíveis amigos sofrerem.
É tão mais fácil se matar com uma arma, como vc mesmo disse. Mais rápido e criaria menos danos.

Maurício disse...

É... Não é fácil não...

Thequila! disse...

Eu também concordo. Tô cansado de ver gente que me cerca fazendo essas merdas.
E o pior: às vezes, quem pensa em morte sou eu, pra fugir dessa bosta que tá a vida com a sociedade...