Viver, vida, verdade, verbo, vocação... para textos toscos

A vida é tão simples e tão complicada quanto a complexidade de textos desconexos e ridiculamente ruins como são os meus.

A vida é a vida e nenhum idiota pode negar isso.

Viver é um verbo. No infinitivo. Como todos os outros verbos em sua origem.

Se viver é um verbo, vida descende de vive. Pois teoricamente substantivos descendem de verbos

Mas viver descende de substantivo. Porque ninguém pode viver sem vida. Mas pode haver vida sem viver.

Não preciso dizer mais nada.

Um comentário:

B-boy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.