Na teoria, beleza. Na prática, nada.

Podem dizer que é preconceito, que mulher pode gostar sim de filmes de luta, ação, com muito sangue, partes do corpo para um lado e para outro, mas não é. É realidade. Com exceções que eu não conheço.

O cara decide ir com a namorada ao cinema. Beleza. Mas assim como ele não quer ver um romance bobo, ela não quer ver matança. 92% dos namoros têm essas coisas. E hoje eu vi três casais. 100% de aproveitamento para a tese, minha e de muitos outros.

"Ninja assassino" era o nome do filme. Sangue jorrou na tela. Sangue, partes do corpo, órgãos. Espadas, umas armas estranhas, aquelas estrelas. Qualquer coisa matava. O cara quase morria de tanto corte que levava, mas ainda viveu. Tinha uma vingança pela morte da amada mas não compensa o sangue. Não para as mulheres.

Não para as namoradas que lá estavam. Que xingaram seus namorados na saída do cinema, dizendo que nunca mais iriam no cinema assistir um filme que eles escolhessem.

Se eles forem sozinhos um dia, elas também irão reclamar.

E aí, como faz?

2 comentários:

Rebeca Postigo disse...

Kkkkkk...
Sinceramente não tenho ideia...

Bjs

Crônico disse...

amigos
estão com pouca disponibilidade para postar
porém afirmo que logo postarei, assim que administrar melhor meus horários