Jornalismo esportivo no Brasil é uma merda

É inacreditável o nível medíocre do jornalismo esportivo da rede globo, e também de todas as outras emissoras. Eu sei, preciso apontar motivos para isso. No dia 11 de dezembro de 2009, pela milésima vez, eu assisto a mais uma reportagem sobre o glorioso Santa Cruz, em rede nacional e internacional. O terrível Globo Esporte, que tem como apresentadora a experiente Glenda, (apresentadora que troca todas as informações e se atrapalha com tudo) insiste em apresentar matérias sobre a enorme torcida do Santa Cruz, que sempre está vendo as obras do seu estádio e também cuidando de perto os jogadores e comissão técnica do time. Tudo bem, eu aguento essa reportagem mais uma vez... se não fosse por um time que nem na série D está. Isso mesmo. Nem na série D. Ele ainda precisa disputar vaga. Chega, não tem como acreditar que alguém se interessa por um time fora de série. As matérias são sempre iguais, a repórter com aquele sotaque chato entrevista as nabas de torcedores, dando opiniões furadas, enquanto alguém está fazendo alguma obra no estádio. Os torcedores sempre sábios indicam jogadores carríssimos, como Ronaldo, Robinho, Adriano, e pasmem, até o Petrovic, ou, Pretovic, Pretovitcoc, Pescovit, e por aí vai. Os caras não sabem nada, NADA, sobre nada. Como alguém pode dar credibilidade a essa matéria ridícula, sobre um time sem série e ainda transmitir para todos os que assistem ao Globo Esporte, que deveria ter mais qualidade, afinal, é para todas as pessoas que gostam de esporte, e que tem apenas alguns minutos durante o intervalo entre almoço e trabalho, obterem informações sobre seu esporte preferido (brasileiro só quer saber de futebol, e é claro, seu clube) e trabalharem em paz. Paz o caramba! A imprensa só reporta o que acontece com os clubes do eixo SP-RJ. Essa abordagem acontece praticamente ao vivo, todos os dias, nos principais clubes desses 2 estados. A notícia fica quase em primeira mão. Ótimo, para eles. Mas por que só esses times tem preferência? Por que movimentam mais grana? Mentira. Os principais times de SP geram receita de R$ 570 668 por ano. Os de RJ geram R$ 287 742. Juntos são 60% de todo. Juntos! Os únicos dois times do RS geram R$ 241 206! Dois times. RJ tem quatro times. Um desses quatro é conhecido por ter a maior torcida. E a renda é praticamente a mesma dos dois times do RS, que são sempre preteridos na imprensa. SEMPRE! As reportagens no Globo Esporte são muito curtas, e na maioria, são apenas notas. Nós geramos muita grana, e esse é o retorno da mídia? Os dois times de MG geram R$ 151 701. Juntos, RS e MG, além de terem quatro times principais, geram mais que os quatro times do RJ. Porém, o tempo dedicado e a eficiência nas reportagens, de todas, TODAS, as emissoras do Brasil, são ridículos para o poderio desses clubes. E ainda, quando as emissoras tem algum tempo disponível (quase nunca), porcarias de matérias sobre clubes fora de série são exibidas! É impressionante!

PS:
Os times do estado de PE, representam apenas 1,4% da soma da receita dos 21 principais times do Brasil.

5 comentários:

Taw disse...

na internet tem várias informações que você pode ver pelo tempo que quiser.

xD

Crônico disse...

a grande maioria da população brasileira não tem acesso a internet
o sinal da rede globo chega a 99% da população brasileira

Taw disse...

é mas vem uma estatal pra mudar essa realidade de vez!

xD

;-P

Vini Manfio disse...

eu não sei de onde tu colocaste o santa cruz como um dos (pasmo) 21 maiores times do brasil

huauhahuauhauhuhahuauhauauhahuauuha

e agora reportagens no nordeste vão ficar cada vez mais comuns
já que os três coitadões estão distantes da primeira divisão

mas
no fundo
acho que o que atrapalha mesmo a porcaria do globoesporte(que, por motivos de logística não assisto mais) é aquela bobagem toda de skate, remo, natação, reportagens eventuais que ninguém quer ver, porque o que interessa é o futebol mesmo

e quanto às rendas

isso não vai mudar
na argentina é a mesma coisa
boca e river concentram quase toda renda da televisão
e os times 'pequenos' do interior, ganham uma miséria

o critério justo é o da inglaterra
a empresa paga pela colocação no campeonato nacional
é mais justo do que uma suposição tamanho de torcida que conta aqueles desdentados miseráveis que nem televisão tem mas que, por durante uma reportagem do rali dos sertões estarem com uma camisa do flamengo, são considerados torcedores e acabam sendo a maioria


deprimente.

Crônico disse...

não manfio
os 2 times do RS + os 2 times de MG geram mais renda que os 4 do RJ juntos
é o jornalismo que é uma merda mesmo
a glenda não acerta nada
ela não entende o que está lendo
não sabe o que faz
e assim vai
o neto... sem comentários
ninguém sabe chegar e dizer: "Hoje, no estádio tal aconteceu isso, isso e isso. O time treinou em tal esquema, tais jogadores estarão em campo." e depois um comentarista dizer se é vantagem escalar tais jogadores, tática, etc..
é uma merda mesmo
só reportagens idiotas
com comentaristas que falam tudo... que não tem relação com o assunto proposto