sacanagem isso.

Por que eu ainda tenho que estar em lugares que eu não quero?
Por que eu ainda tenho que estar com pessoas que fingem que não me conhecem?
Por que minha mãe ainda faz isso comigo, assumir compromissos que eu vou ter que cumprir? Por que ela diz pros outros que eu vou sem nem me perguntar se eu já não tenho bastante coisa pra fazer?

Padeço por caridade. Caridade, isso é o que vou fazer hoje à tarde. Mas, sinceramente... essas caridades me deixam perigosa. PERIGOSA!

7 comentários:

Maurício disse...

Hahahahaha.

Comigo era assim também.

Mas o pior é crescer e ver que seus amigos escutam funk, pagode e axé.

it's great !

Thequila! disse...

Tenso... Sei como é isso. :(

E fiquei com medo, agora :o

Ah, desde que entrei na Liberato, minha mãe não faz mais isso *-*

graziela disse...

desde que entrei na liberato, minha mãe parece que faz isso mais ainda ¬¬ haaaaaja paciência

Vini disse...

normal

compromissos burocráticos que os pais assumem e jogam os filhos junto

nunca gostei
mas sei lá
hoje me arrependo um pouco
de não ter sido menos teimoso
e ter aproveitado um pouco mais momentos em família

Anna Castro Lima. disse...

SHUAUHSUHAHU isso acontece comigo, é terrível ;@

Letícia disse...

é...comigo isso acontece tbm...tipo, antes do liberato acontecia na mesma frequência, mas como agora a gente tem menos tempo, parece que a frequência aumenta....
tipo, uns 400 Hz, no mínimo :x

Renata Menezes disse...

Adorei o que escreveu.
Você/vocês estão convidados a conhecer o meu blog.
http://ideiasvariadasideias.blogspot.com/
Um abraço.